Roma vence CSKA na Rússia e se aproxima das oitavas da Champions

Roma está mais próxima de garantir uma vaga nas oitavas de final da Liga dos Campeões. Jogando nesta terça-feira, no estádio Luzhniki, a equipe venceu o CSKA pelo placar de 2 a 1, com gols de Manolas e Pellegrini. Arnor Sigurdsson anotou para os donos da casa. O resultado foi importantíssimo para o time, que com 10 pontos, contra quatro do rival russo fica a um empate em dois jogos para garantir sua presença na próxima fase na principal competição de clubes do mundo.

O time de Moscou, por sua vez, ocupa a terceira posição, e vê o sonho da vaga cada vez mais distante, pois além, de ter de vencer os compromissos, terá que torcer por outros resultados. Uma classificação para próxima fase a Liga Europa é o mais provável, visto que a equipe ocupa a terceira colocação do Grupo G.

Durante os 90 minutos, a Roma mostrou sua superioridade, e venceu até com certa folga. As coisas ficaram bem mais fáceis depois da expulsão de Magnusson, já no segundo tempo. Mesmo com o placar apertado e levando um calor no fim, o time da capital italiana soube se comportar e saiu com os três pontos.

Roma marca com Manolas e sai na frente

Logo aos quatro minutos de bola Ronaldo, os italianos saíram na frente. Após cobrança de escanteio de Pellegrini, o goleiro Afinfeev saiu mal, e Manolas aproveitou para cabecear e abrir o placar na Rússia.

Sem muita inspiração, os donos da casa só foram ter a sua primeira oportunidade aos 18 minutos.  Vlasic recebeu bom passe e arriscou, mas a bola acabou indo pela linha de fundo, tirando tinta da trave. Oito minutos depois, Magnusson ganhou de cabeça da defesa, porém, cabeceou alto demais, fazendo a redonda se perder.

A Roma teve uma boa chance, depois de bom contra-ataque armado, Florenzi finalizou, mas nas mãos de Akinfeev, que fez a defesa sem sustos. Na sequência, Kolarov arriscou em cobrança de falta, e novamente, o goleiro russo apareceu para evitar o segundo gol da equipe da capital italiana.

Antes do final do primeiro tempo, o CSKA ainda teve volume de jogo e algumas oportunidades para pelo menos sair com o empate. Arnor Sigurdsson dominou dentro da área e chutou. Preciso no lance, Oslen fez boa defesa.

Apesar de susto, Roma vence na Rússia

Na etapa complementar, Dzeko perdeu uma chance clara. O bósnio recebeu na entrada da área, mas acabou sendo bloqueado na finalização. O erro custou caro a Roma, que sofreu o empate aos cinco minutos. Akhmetov cruzou, a zaga afastou mal, e Arnor Sigurdsson deixou tudo igual.

Quando as coisas pareciam caminhar bem a favor dos mandantes, Magnusson foi expulso após receber o segundo cartão amarelo. Dois minutos mais tarde, o que era ruim, piorou, pois, a Roma marcou o segundo gol. Pellegrini aproveitou cochilo do sistema defensivo do CSKA, aproveitou e balançou as redes.

A partir daí,o time de Eusebio Di Francesco dominou o jogo por completo. Dzeko e Fazio desperdiçaram ótimas ocasiões de gol. Faltava ao time definir o duelo. Apesar disso, soube segurar o placar final de 2 a 1.

Valencia bate Young Boys e vence a primeira na Liga

Pelo Grupo H, o Valencia recebeu o Young Boys, no Mestalla. A equipe espanhola venceu o adversário pelo placar de 3 a 1. Os dois gols foram anotados por Santi Mina, duas vezes e Soler, enquanto que Assale anotou o dos visitantes. Foi a primeira vitória da equipe comandada por Marcelino García Toral na Champions.

Com o resultado, os espanhóis obrigam o Manchester United a pontuar diante da Juventus, em Turim, no complemente da rodada. Isso porque, o Valencia roubou a segunda colocação da chave, com cinco pontos, um a mais que os ingleses, e está bem vivo por uma vaga nas oitavas de final da competição.

Fonte: https://www.gazetaesportiva.com

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

%d blogueiros gostam disto: